LIMEIRA

Botion investe em infraestrutura de limpeza na área rural

Gestão do prefeito do PSD iniciou instalação de 40 caçambas e promove a conscientização dos moradores de 353 núcleos habitacionais


05 de julho de 2018

Todos os locais serão regularizados, com a execução de serviço de limpeza e a construção de bases adequadas para acomodar os novos contêineres.

 

Preocupada com o descarte correto de resíduos sólidos em Limeira, município de 300 mil habitantes do interior paulista, a gestão do prefeito Mario Botion (PSD) promove uma série de iniciativas para a melhoria da infraestrutura de limpeza na área rural. Entre as ações já realizadas na região, que conta com 353 núcleos habitacionais identificados, destaca-se a instalação de 40 caçambas de coleta de lixo domiciliar.

Todos os locais serão regularizados, com a execução de serviço de limpeza e a construção de bases adequadas para acomodar os novos contêineres. O investimento da Prefeitura é de cerca de R$ 300 mil. “Estamos também avaliando a localização dos pontos de descarte de lixo domiciliar na área rural e a necessidade de mudanças”, afirmou o prefeito.

A Prefeitura promove um trabalho constante de orientação sobre o reaproveitamento de resíduos verdes. “As folhas secas e os galhos podem ser empilhados em um pequeno espaço. Esse material se decompõe naturalmente, transformando-se em composto orgânico que pode ser usado em vasos, hortas, jardins e ao redor de árvores em geral, podendo ser aproveitado na propriedade rural. Outra vantagem é que o empilhamento dos resíduos verdes não atrai roedores ou outros animais”, disse o secretário municipal de Meio Ambiente e Agricultura Paulo Trigo.

Os moradores são incentivados a manter galinhas nas propriedades rurais. “Essas aves podem consumir resíduo orgânico que iria para o lixo domiciliar, minimizando dessa maneira a geração de lixo”, explicou o secretário.

Limeira também dispõe de locais e programas adequados para o correto descarte de materiais recicláveis, resíduos da construção civil e materiais inservíveis de grande volume, entre eles o projeto Só Cacareco, a Coleta Seletiva e uma rede composta por onze ecopontos.

 Comente!



*

multimídia Vídeos
WhatsAppFacebookTwitter