bauru

Gazzetta quer aumentar salário de merendeiras

Medida faz parte da política de valorização do funcionalismo público adotada pelo prefeito do PSD


15 de maio de 2019

 

O prefeito Clodoaldo Gazzetta em evento com as merendeiras: “Bauru é uma das únicas do País que paga os salários dos servidores e seus fornecedores em dia.”

 

Em mais uma iniciativa para valorizar o funcionalismo público de Bauru, cidade do Centro-Oeste paulista, o prefeito Clodoaldo Gazzetta (PSD) encaminhou projeto para a Câmara Municipal que estabelece o aumento do salário inicial das 335 merendeiras da rede municipal de ensino, de R$ 1.079,00 para R$ 1.214,00. A medida atende a uma antiga reivindicação da categoria.

Na sexta-feira (10), o prefeito assinou o projeto em evento com os servidores no Teatro Municipal de Bauru. “A gente está construindo, tijolinho por tijolinho, o alicerce da Prefeitura, melhorando a qualidade de trabalho dos servidores, a qualidade de vida da população e a infraestrutura da cidade. Mas só se faz isso se melhorarmos a qualidade financeira da administração”, disse Gazzetta na ocasião.

Ele destacou, ainda, que “a Prefeitura de Bauru é uma das únicas do País que paga os salários dos servidores e seus fornecedores em dia e mantém a cidade funcionando.”

Desde o início do mandato, Gazzetta investe na valorização do funcionalismo público. De 2017 a 2019, o prefeito concedeu 19% de reajuste para a categoria, considerando reajustes salariais, abonos e vantagem pessoal. A inflação nesse período foi de 11,93%.

 Comente!



multimídia
Vídeos
WhatsAppFacebookTwitter