HABITAÇÃO

Cajamar beneficiará mil famílias com regularização fundiária

Criado pela gestão do prefeito Danilo Joan (PSD), programa Casa Legal deve entregar títulos de propriedade aos beneficiados ainda em 2019


14 de agosto de 2019

 

Ao lado do vice Moacyr Pedro, o prefeito Danilo Joan entrega título a moradores

 

Em Cajamar, município de 75 mil habitantes da Grande São Paulo, a gestão do prefeito Danilo Joan (PSD) realiza o projeto Casa Legal, que promoverá a regularização fundiária de cerca de mil famílias da cidade até o fim de 2019. No último sábado (10), o prefeito entregou 309 títulos de propriedade aos moradores do Parque São Roberto em evento que contou com a presença de diversas autoridades, entre elas a primeira-dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade, Nadja Haddad, e o vice-prefeito Moacyr Pedro, também filiado ao PSD.

“Regularização fundiária é saber que aquela luta diária de colocar cada tijolinho em sua casa está finalmente consagrada pelo título de propriedade”, disse o prefeito. Danilo Joan destacou, ainda, que o principal objetivo do programa é promover a dignidade das famílias que viviam sem segurança jurídica. “Essa foi a primeira etapa do programa Casa Legal. A ideia é que até o ano que vem possamos entregar duas mil documentações.”

Moradora do Parque São Roberto há 20 anos, Maria Carvalho participou do evento e ressaltou a importância da regularização fundiária para a comunidade. “Agora nós somos de fato proprietários e temos o direito jurídico sobre nossas casas. Agradeço ao prefeito Danilo Joan, que nos concedeu esse documento tão importante para nossas vidas.”

De acordo com a programação já divulgada pela Prefeitura, a primeira etapa do programa Casa Legal também beneficiará os moradores dos seguintes bairros: DER-Jordanésia, Parque São Roberto II, Vila Nova, Jardim Primavera, Panorama I e II, Vila Abraão, Vila das Américas e Vila Progresso.

 Comente!



multimídia
Vídeos
WhatsAppFacebookTwitter