SAÚDE

Holambra terá entrega domiciliar de medicamentos

Programa Remédio em Casa vai beneficiar moradores acima de 60 anos."Vamos eliminar a necessidade de deslocamento dos pacientes, o que é fundamental em tempos de pandemia", destacou o prefeito Fernando Capato (PSD)


02 de junho de 2021

O prefeito Fernando Capato: “Vamos eliminar a necessidade de deslocamento dos pacientes, o que é fundamental em tempos de pandemia.”

 

Para facilitar o acesso de moradores acima de 60 anos a medicamentos de uso contínuo, a gestão do prefeito de Holambra, Fernando Capato (PSD), vai lançar o programa Remédio em Casa. A partir do próximo dia 14, idosos que já são acompanhados por profissionais das unidades básicas de saúde do município do interior paulista poderão receber medicamentos em suas residências. Para participar, o interessado deve solicitar o serviço por meio do aplicativo Holambra Conectada, disponível para os dispositivos Android e iOS.

“O objetivo do Remédio em Casa é garantir acesso fácil aos medicamentos, evitando assim a interrupção do tratamento e organizando o atendimento contínuo aos portadores de doenças crônicas. Além disso, vamos eliminar a necessidade de deslocamento dos pacientes, o que é fundamental em tempos de pandemia. Será, sem dúvida, mais um serviço que irá garantir conforto e priorizar a saúde dos holambrenses”, destacou o prefeito.

De acordo com o diretor municipal de Saúde, Valmir Marcelo Iglecias, o morador precisa enviar pelo aplicativo uma foto da receita médica dentro da data de validade. “Os profissionais de saúde farão a análise do prontuário e, em seguida, enviarão os medicamentos para a casa do paciente. Tudo muito fácil e rápido.”

Iglecias explica, ainda, que medicamentos de uso controlado, como antidepressivos e ansiolíticos, não farão parte do programa. Para fazer a solicitação, o usuário também deverá estar inscrito no Cartão Cidadão.

 Comente!



multimídia
Vídeos
WhatsAppFacebookTwitter