SAÚDE

Limeira garante plena oferta de medicamentos à população

Medidas administrativas adotadas pela gestão do prefeito Mario Botion (PSD) garantem estoque suficiente para atender a população até o fim de 2019


20 de agosto de 2019

 

O prefeito Mário Botion conversa com a farmacêutica da Central de Medicamentos, Deise Karla Blanco.

 

Os pacientes atendidos pela rede pública de saúde de Limeira, município de cerca de 300 mil habitantes do interior paulista, não sofrem mais com a falta de remédios. Isso porque em função de medidas administrativas adotadas pela gestão do prefeito Mario Botion (PSD), todos os 242 itens que compõem a cesta de medicamentos estão disponíveis no estoque da Prefeitura, que já tem o suficiente para atender a população até o fim de 2019.

“Esse é mais um marco conquistado graças ao trabalho de gestão que iniciamos em 2017”, destacou o prefeito. Para enfrentar o antigo problema da escassez de medicamentos na rede municipal de saúde, Botion teve de mudar o sistema de compra e controle de estoque, que apresentava maior baixa nos meses de janeiro e fevereiro. Quando assumiu o governo, 62 medicamentos estavam em falta.

Entre as medidas adotadas pelo prefeito destaca-se a unificação de todo o trâmite licitatório. Antes da atual gestão, as licitações ocorriam em vários momentos ao longo do ano. Botion também determinou a padronização das quantidades de medicamentos licitados, com a previsão de todo o estoque necessário para atender a demanda.

Outro fator essencial, de acordo com o prefeito, foi a implantação do sistema informatizado de controle de estoque, em abril de 2017. “Pelo programa, a Central de Medicamentos começou a acompanhar todo o trâmite de dispensação de produtos, agindo rapidamente em caso de necessidade de reposição”, explicou Botion.

Limeira conta com 17 farmácias de dispensação de medicamentos. Desse total, seis já foram reformadas e outras três unidades – Planalto, Hipólito e Cecap – estão sendo revitalizadas. A Prefeitura também investiu R$ 120 mil na reforma da Central de Medicamentos, que ganhou climatização completa, piso novo e teve seus espaços internos readequados.

 Comente!



multimídia
Vídeos
WhatsAppFacebookTwitter