SEGURANÇA

Louveira fortalece combate à criminalidade

Gestão do prefeito Estanislau Steck (PSD) amplia sistema de videomonitoramento e investe na capacitação dos agentes da Guarda Civil Municipal


17 de novembro de 2022

O prefeito Estanislau Steck: “Temos trabalhado, inclusive com a integração entre todas as forças policiais, para cuidar da segurança da nossa população

 

 

Redação Scriptum com Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Louveira

 

Ampliação do sistema de videomonitoramento, melhoria da infraestrutura da Guarda Civil Municipal e investimento na capacitação dos agentes da corporação. Essas foram as iniciativas realizadas neste ano pela gestão do prefeito Estanislau Steck (PSD) que fortaleceram o combate à criminalidade em Louveira — município de 51 mil habitantes da Aglomeração Urbana de Jundiaí, no interior do Estado de São Paulo. “Quando falamos em segurança, temos de olhar para os investimentos na área da infraestrutura, sobretudo na tecnologia, para proporcionar ganhos aos cidadãos. Assim temos trabalhado, inclusive com a integração entre todas as forças policiais, para cuidar da segurança da nossa população”, ressalta Steck.

Desde o ano passado, o número de câmeras instaladas na cidade subiu de 124 para 180. Além disso, quatro totens inteligentes foram implantados nesse período. O sistema é coordenado pela Central de Comunicações e Monitoramento (CECOM) e pelo Centro de Inteligência e Operações (CIOP). Cada totem tem oito câmeras que captam imagens em 360 graus. A instalação dos equipamentos era um dos principais projetos do plano de governo de Steck para a segurança pública.

 

Quatro totens inteligentes foram implantados desde o ano passado

 

Há cerca de três meses, a Guarda Municipal recebeu nove viaturas zero quilômetro – seis do modelo Spin e três picapes S-10. Atualmente, a frota da equipe da Rondas Ostensivas Municipal (ROMU) é composta por 15 veículos. A corporação também está promovendo o Estágio de Qualificação Profissional (EQP), em que os agentes recebem orientações sobre direitos humanos, legislação, defesa pessoal, entre outros temas.

Louveira conta, ainda, com um programa de proteção a mulheres vítimas de violência doméstica, realizado pela patrulha Maria da Penha. Somente neste ano, foram 160 atendimentos.

 Comente!



multimídia
Vídeos
WhatsAppFacebookTwitter