Covid-19

Morre Carlão Gallindo, vice-prefeito de Birigui

Uma das lideranças do PSD no município do interior paulista, político tinha 52 anos, era casado e deixa duas filhas


08 de junho de 2021

Prefeitura decretou luto oficial de três dias pela morte do vice-prefeito Carlão Gallindo

 

O vice-prefeito de Birigui, Francisco Carlos Gallindo (PSD), o Carlão Gallindo, morreu em função de complicações provocadas pela covid-19, aos 52 anos, na madrugada desta segunda-feira (7). Ele ficou internado na Unidade de Terapia Intensiva da Santa Casa de Birigui por quase 20 dias e, com o agravamento do seu quadro de saúde, foi transferido para o Hospital Estadual de Promissão. A Prefeitura decretou luto oficial de três dias pela morte do vice-prefeito.

Gallindo nasceu em Martinópolis, município também situado no interior do Estado de São Paulo. Ele era casado e deixa duas filhas. Além de vice-prefeito, exercia o cargo de secretário municipal de Obras na gestão do prefeito Leandro Maffeis.

“Um entusiasmado e incansável guerreiro, Carlão lutou bravamente contra a covid-19. Uma pessoa iluminada, íntegra e humilde que nos deixa um legado de fé, uma vida dedicada a servir ao próximo, a amar seu povo e a defender o nosso município. Carlão fará muita falta para Birigui e para a nossa gestão”, afirmou o prefeito. Maffeis prestou solidariedade à família do vice-prefeito e acrescentou que, apesar de lamentar profundamente a perda, é “agradecido a Deus por ter nos dado a oportunidade de conviver com alma tão iluminada”.

 Comente!



multimídia
Vídeos
WhatsAppFacebookTwitter