PSD Afro

Núcleo defende direitos dos afrodescendentes em Barretos

Partido já conta com alas formadas por mulheres e jovens e quer dialogar com todos os segmentos do município do interior paulista


15 de maio de 2020

PSD Afro em Barretos vai discutir políticas públicas para os afrodescendentes

 

Em mais uma demonstração de que valoriza a diversidade, o PSD de Barretos criou o PSD Afro, composto por lideranças do movimento negro no município do interior paulista, com população estimada em 122 mil habitantes. A diretoria do núcleo é formada por Michela Rita da Silva (presidente), Luiz Antônio Rodrigues (vice-presidente) e Sidnei Sheldon Miranda (secretário).

“Vamos valorizar a cultura preta e aumentar a autoestima, em especial a das crianças e adolescentes, para que cresçam melhor e com orgulho”, explicou Sheldon. O secretário elogiou a iniciativa do PSD de discutir políticas públicas para os afrodescendentes, algo que considera pioneiro na cidade.

O vereador e pré-candidato a prefeito Raphael Dutra destacou que o partido já conta com núcleos dedicados às mulheres e aos jovens e a criação do PSD Afro está em sintonia com o objetivo de apresentar propostas para todos os segmentos da sociedade.

“Fico muito feliz por termos como presidente a Michela, que tem um trabalho como historiadora, pesquisadora e professora muito avançado na questão dos afrodescendentes aqui na cidade de Barretos. Ter pessoas que são da área e querem contribuir dentro do partido para que a gente possa melhorar as políticas públicas para os afrodescendentes é muito importante”, afirmou Dutra.

 Comente!



multimídia
Vídeos
WhatsAppFacebookTwitter