GESTÃO

Ourinhos faz parceria com supermercados para gerar empregos

Projetos do prefeito Lucas Pocay (PSD) facilitam a entrada de jovens no mercado de trabalho e oferecem oportunidades a motoristas de vans escolares durante a pandemia


24 de julho de 2020

Apresentação do projeto para representantes de supermercados

 

A gestão do prefeito de Ourinhos, Lucas Pocay (PSD), investe em projetos que estimulam a geração de empregos no setor supermercadista durante a pandemia de covid-19. Um deles é o Meu Primeiro Emprego, voltado aos jovens que procuram o Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) para iniciar a vida profissional no município do interior paulista, com população estimada em 113 mil habitantes.

Em parceria com supermercados locais e o PAT, a Prefeitura promove cursos semanais de capacitação. Para que não ocorram aglomerações, medida essencial no combate à covid-19, cada turma conta com até dez pessoas.

Os participantes das capacitações poderão ser contratados pelos supermercados, de acordo com a disponibilidade de vagas. “Nos últimos anos, Ourinhos tem se destacado pelo desenvolvimento econômico, com inúmeros investimentos e novos negócios. Para manter esse padrão temos que estimular jovens em busca do primeiro emprego, capacitar profissionais e debater soluções com a classe empresarial. Queremos promover a qualidade de vida, gerar emprego e renda e fazer de Ourinhos um polo regional, um exemplo para outros municípios”, afirmou o prefeito.

O proprietário do supermercado Bom Jesus, Roberto Franco de Lima, elogiou a iniciativa da Prefeitura. “Foi muito importante oportunizar o Meu Primeiro Emprego aos jovens e também priorizar a qualificação deles no PAT, que nos auxiliará com a pré-seleção.”

Outro projeto desenvolvido pela gestão de Pocay é o aplicativo Mordomo, que permite aos clientes dos supermercados solicitarem a entrega de suas compras a motoristas autônomos de vans escolares. O secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo, Tiago Henrique Moreira, destacou a importância da iniciativa para os motoristas, que estão enfrentando dificuldades financeiras em função da suspensão das aulas.

“O objetivo do ‘Mordomo’ é amparar os motoristas de vans para que tenham um suspiro financeiro neste momento de isolamento social. A ideia é que eles possam ser acionados pelos clientes por meio do aplicativo para fazer a entrega das compras realizadas nos supermercados.”

 Comente!



multimídia
Vídeos
WhatsAppFacebookTwitter