GESTÃO

Perissinotto vai criar comitê contra covid-19 em Rio Claro

Prefeito do PSD destacou que grupo terá “autonomia para tomar decisões no combate à pandemia” e contará com autoridades médicas, além de representantes da indústria, do comércio e das igrejas


04 de janeiro de 2021

Prefeito Gustavo Perissinotto (centro) também destacou como prioridades o fortalecimento da economia local e a recuperação das finanças da Prefeitura

 

Para reforçar o combate à covid-19 em Rio Claro — cidade de cerca de 208 mil habitantes do interior do Estado de São Paulo — o prefeito Gustavo Perissinotto (PSD) vai iniciar nesta semana a criação de um comitê composto por profissionais de diversos setores do município. Durante a solenidade em que foi empossado no cargo — realizada na última sexta-feira (1º) na Câmara Municipal, quando também foi eleito para a presidência da Casa o vereador José Pereira (PSD) — o prefeito destacou o combate à pandemia entre os principais desafios de seu governo.

“Nós pensamos na estruturação de um comitê transdisciplinar, com representantes da indústria, do comércio, representantes empresariais, representantes de igrejas, autoridades sanitárias e médicas. Esse comitê terá autonomia para tomar as decisões de Rio Claro em relação ao combate à pandemia”, afirmou Perissinotto.

De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Prefeitura neste domingo (3), o município já registrou 6.630 casos de covid-19 e 164 mortes provocadas pela doença. Outros 17 pacientes aguardam os resultados de exames laboratoriais.

O fortalecimento da economia local e a recuperação das finanças da Prefeitura foram outras prioridades mencionadas pelo prefeito. Atualmente, o total do deficit de Rio Claro, que inclui precatórios e dívidas com a União e o Instituto de Previdência, é de aproximadamente R$ 1 bilhão.

Perissinotto ressaltou que a população quer respostas rápidas e que o governo municipal, com o apoio da sociedade, da Câmara de Vereadores e dos servidores públicos, irá fazer o que é preciso pelo bem da cidade. “Como rio-clarenses, todos desejamos o sucesso de Rio Claro”, frisou o prefeito.

Mesa diretora

No último dia 1º também foram empossados o vice-prefeito, Rogério Guedes (PSL), e 19 vereadores. Em função das restrições impostas pela pandemia, a solenidade não contou com público, mas foi transmitida pela internet. Após a cerimônia de posse, os parlamentares elegeram o vereador José Pereira presidente da Câmara e o vice-presidente da Casa, Hernani Leonhardt (MDB).

Adriano La Torre foi escolhido primeiro-secretário e Julinho Lopes ocupou a segunda-secretaria. Ambos são filiados ao Progressistas. Além de Pereira, a bancada do PSD é formada pelos vereadores Pastor Diego Gonzales e Thiago Yamamoto.

 Comente!



multimídia
Vídeos
WhatsAppFacebookTwitter