ELEIÇÕES 2020

Taka Yamauchi vai para o segundo turno em Diadema

'A virada começa hoje. Somos a renovação e o PT representa o retrocesso', afirmou o candidato do PSD, que obteve 15,42% dos votos válidos no município do ABC paulista


16 de novembro de 2020

 

 

Taka Yamauchi: “Vamos mudar a história da cidade porque o nosso povo já está cansado de promessas mentirosas.”

 

O candidato do PSD à Prefeitura de Diadema, Taka Yamauchi, vai disputar o segundo turno da eleição municipal no próximo dia 29 com o ex-prefeito José de Filippi Júnior (PT). Ele recebeu 31.301 votos (15,42% do total de votos válidos). Filippi obteve 92.670 votos (45,65%).

Ainda segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que encerrou a apuração no município do ABC paulista às 23h54 deste domingo (15), Diadema, que tem população estimada em 426 mil habitantes, registrou 25,95% de abstenção, 6,56% de votos brancos e 10,16% de votos nulos.

Em uma mensagem publicada nesta segunda-feira (16) no Facebook, o candidato do PSD motivou seus eleitores. “A virada começa hoje. A história agora é outra. Somos a renovação e o PT representa o retrocesso, tudo o que a população quer mudar em Diadema. Vamos mudar a história da cidade porque o nosso povo já está cansado de promessas mentirosas. Agora, mais do que nunca, Diadema está perto de viver um novo tempo.”

Yamauchi tem 42 anos, é formado em Engenharia Civil com ênfase em transportes e pós-graduado em Administração e Gestão Pública. É empresário do setor químico há 24 anos e vice-presidente da Associação dos Engenheiros de Diadema. Entre janeiro de 2017 e junho de 2020, foi secretário municipal de Obras em Ribeirão Pires, município também localizado no ABC paulista.

 Comente!



multimídia
Vídeos
WhatsAppFacebookTwitter