Virada Cultural de Ribeirão Preto atrai público de 30 mil pessoas

O evento contou com dezenas de atividades culturais entre shows, cinema, teatro e contação de história. Entre as principais atrações musicais, marcaram presença a Família Imperial, Felipe Cordeiro, Vanguart, Ira, Ana Cañas, Rael e Tribo de Jah.


02 de junho de 2015

A cantora Ana Cañas se apresenta durante a Virada Cultural em Ribeirão Preto

A cantora Ana Cañas se apresenta durante a Virada Cultural em Ribeirão Preto

Ribeirão Preto, cidade administrada pela prefeita Dárcy Vera (PSD), recebeu neste final de semana a Virada Cultural Paulista, que superou as expectativas de público. O evento contou com dezenas de atividades culturais entre shows, cinema, teatro, e contação de história. Um público de cerca de 30 mil pessoas, de todas as idades, aprovou as apresentações.

Entre as principais atrações musicais, marcaram presença a Família Imperial, Felipe Cordeiro, Vanguart, Ira, Ana Cañas, Rael e Tribo de Jah. Durante a cerimônia de abertura, que aconteceu no último sábado, dia 30, às 18h30, no Teatro Municipal, o secretário da Cultura, Alessandro Maraca, falou sobre o trabalho realizado para a retomada da Virada Cultural na cidade. “Desde o início das minhas atividades como secretário, uma das minhas prioridades foi de retornar a Virada para o município. Graças a todas as pessoas que, diariamente, me auxiliam, conseguimos além da Virada, outras realizações como o Céu das Artes e o projeto Amigos da Leitura. Tenho a sensação de dever cumprido. Muito obrigado a todas as pessoas que estiveram ao meu lado para a realização da Virada Cultural”, enfatizou Maraca.

O casal de namorados Paloma de Oliveira e Cristian Rodrigues reconhecem a importância do evento. “Eventos culturais movimentam a cidade e beneficiam a população de Ribeirão Preto. Parabéns a prefeita e ao secretário da Cultura, que tiveram este cuidado em trazer de volta a Virada Cultural para Ribeirão” elogiaram os jovens.

Vanessa Guedes, acompanhada do amigo Francisco Berardo, assistiu ao show da cantora Ana Cañas e gostou do que viu. “Muito bacana, uma oportunidade de desenvolvimento cultural e pessoal. Além de podermos curtir as apresentações, também temos a chance de conhecer pessoas e fazer novos amigos”, disse Vanessa.

Além das atividades do Morro do São Bento, a Virada contou com programação no Sesc, na USP Ribeirão e no Cine Clube Cauim com cinema, música, artes visuais, teatro, literatura e contação de história.

 Comente!



multimídia
Vídeos
WhatsAppFacebookTwitter