gestão

Guarulhos vai investir R$ 50 milhões na segurança pública

Prefeito Guti (PSD) conseguiu financiamento do BNDES para projetos que vão melhorar a estrutura da Guarda Civil Municipal e fortalecer o combate à criminalidade


19 de setembro de 2022

Prefeitura pretende ampliar a cobertura dos sistemas de videomonitoramento e cercamento eletrônico

 

Redação: Scriptum com Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Guarulhos

 

O prefeito de Guarulhos, Gustavo Henric Costa (PSD), o Guti, promulgou a lei 8.040/2022, que autoriza a contratação de um financiamento de R$ 49,98 milhões do BNDES para a modernização da segurança pública no município da Grande São Paulo. O documento estabelece iniciativas para a redução da criminalidade, com abordagens baseadas em evidências científicas, além de ações para o fortalecimento da proteção à população e a diminuição das desigualdades sociais.

Um dos requisitos para que as negociações com o BNDES avançassem foi a elaboração do Plano Municipal de Segurança Pública e Defesa Social, conhecido como Guarulhos mais Segura. Publicado no Diário Oficial em dezembro do ano passado, o plano destacava a necessidade de investimentos em iniciativas como o fortalecimento administrativo e operacional da Guarda Civil Municipal (GCM) e a implantação de um Centro de Comando e Controle Integrado (CCCI), serviço que já está em funcionamento.

Além disso, o plano propõe a criação do Observatório da Segurança Municipal, a modernização da Escola de Formação e Aperfeiçoamento de Guardas e o aprimoramento de programas promovidos nas escolas sobre prevenção e combate à violência contra mulheres e jovens. A prefeitura pretende, ainda, ampliar a cobertura dos sistemas de videomonitoramento e cercamento eletrônico e o uso de ferramentas de análise de dados para a tomada de decisões.

 Comente!



multimídia
Vídeos
WhatsAppFacebookTwitter