ASSISTÊNCIA SOCIAL

Valinhos investe na capacitação de mulheres com deficiência

Gestão da prefeita Capitã Lucimara (PSD) adere ao programa TODAS in-Rede, do governo estadual. Projeto oferece qualificação profissional, estimula o empreendedorismo e combate a violência


02 de agosto de 2022

A prefeita Capitã Lucimara durante assinatura do convênio

 

Redação Scriptum com Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Valinhos

 

Reconhecida pelo trabalho em defesa dos direitos femininos, a gestão da prefeita de Valinhos, Capitã Lucimara (PSD), aderiu ao programa TODAS in-Rede, do governo estadual, que promove a qualificação profissional e combate a violência contra mulheres com deficiência. De acordo com a prefeitura, há cerca de quatro mil mulheres com algum tipo de deficiência em Valinhos, município de 133 mil habitantes da Região Metropolitana de Campinas, no interior do Estado de São Paulo.

O programa promove cursos sobre empreendedorismo e estimula as participantes a conquistarem a autonomia financeira. Além disso, divulga vagas de trabalho, oferece rede de apoio às vítimas de violência, realiza campanhas sobre autoestima nas redes sociais, entre outras atividades.

O convênio foi assinado na última quinta-feira (28), em evento realizado no Fundo Social de Solidariedade. O ato contou com a participação da secretária estadual dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Aracélia Costa. “É um marco para o empoderamento e a independência das mulheres com deficiência de Valinhos. O programa se soma às ações constantes que temos feito na cidade e está alinhado ao nosso plano de governo”, disse Capitã Lucimara.

A prefeita lembrou, ainda, que a atual gestão deu voz ativa à Coordenadoria Especial de Políticas para Mulheres (CEPM), criou o projeto Guardiã Maria da Penha, da Guarda Civil Municipal, aderiu ao Programa Acolhe — promovido em parceria com o Instituto Avon e voltado ao combate à violência doméstica — entre outras iniciativas. “Temos um compromisso social e coletivo de colocar ações e propostas que possam garantir o bem-estar, os direitos individuais, os avanços e conquistas para que todos passam ter acesso à qualidade de vida”, garantiu a prefeita.

Reconhecimento

Em seu discurso, a secretária Aracélia reconheceu o trabalho desenvolvido no município. “É muito bom saber que Valinhos já tem essa preocupação, esse olhar para a mulher. Com este programa, será um olhar específico, porque a mulher deficiente tem dupla vulnerabilidade: ser mulher e ser deficiente”, afirmou a secretária.

A presidente do Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência de Valinhos, Cláudia Regina de Melo Malchert, também destacou a importância da iniciativa da prefeitura. “A assinatura é um passo importante para que o deficiente passe a ser visto, apesar de já existir o Estatuto da Pessoa com Deficiência. É importante falar da mulher, mas é preciso estender isso a todos. O ser humano precisa ser visto de uma forma global”, frisou Cláudia.

 Comente!



multimídia
Vídeos
WhatsAppFacebookTwitter